Inicial >> Notícias e eventos >> 15 de janeiro de 2016

BALANÇO 2015 NO LABORATÓRIO DE TECNOLOGIA MINERAL

15 de janeiro de 2016

 

2015 foi um ano importante na história do LTM. Alguns dos acontecimentos importantes que marcaram o ano foram:

 

Projetos

 

A fase P do projeto P9 da AMIRA, que durou de 2012 a 2015 foi encerrada, com destaque para o avanço ainda maior na modelagem matemática de moinhos de bolas. Também em 2015 se encerrou o projeto realizado com a Mineração Taboca, no qual apoiamos a conversão bem-sucedida da moagem primária de barras em bolas, com substancial redução de consumo de corpos moedores. Também encerramos projeto realizado com a Petra Agregados, no qual foi demonstrado que um aumento de 25% da capacidade de processamento da usina pode ser alcançado sem qualquer investimento de capital (modificações no processo já realizados desde então pela empresa já resultaram em aumento de até 15% da capacidade). Realizamos ainda a aplicação pioneira do modelo mecanicista da moagem de bolas em circuito de moagem de pellet feed em Tubarão (ES), como parte de projeto realizado com a Vale (pelotização). Projetos também foram concluídos com a Samarco, Vale (Carajás), GE Global Solutions e DEM Solutions (Chile).

 

Tivemos diversos projetos que se iniciaram em 2015, dentre os quais o projeto com o Sindibrita-RJ, no qual está sendo avaliada a pertinência e viabilidade da produção de areia manufaturada no Estado do Rio de Janeiro; com a Ecomix (São Paulo), que trata da otimização de circuito de produção de areia para argamassa; com o ITV-VALE, que trata da investigação a relação entre mineralogia e comportamento na cominuição de itabiritos; com a Anglo American sobre a otimização da cominuição híbrida no circuito de Minas Rio; com a Vale (Vargem Grande) sobre a simulação em DEM do peneiramento de rolos de pelotas verdes; com ME Elecmetal sobre caracterização de minério de cobre visando a simulação da moagem SAG e, por fim, com a Hydro sobre a caracterização da moabilidade de amostras de bauxita.

 

Foi aprovado pela FAPERJ projeto de colaboração técnica entre o LTM e Technishe Hochshule Brawnscheig na Alemanha, que conta com a coordenação de Marcelo e a participação de Rodrigo e que durará de 2015-2017.

 

Como parte das iniciativas de melhora contínua dos processos no LTM, o laboratório recebeu em setembro o certificado bronze no Programa Self-Audit da COPPE que segue a norma NRB ISO-9001:2008, o qual qualifica os processos internos de laboratórios da instituição.  Esse importante trabalho foi coordenado pelo Rangler.

 

Cursos Ministrados e organização de eventos
 

O ano foi particularmente movimentado na oferta de cursos externos por membros do LTM. Em junho Gabriel ministrou curso sobre “O Método dos Elementos Discretos (DEM)” nas dependências da CADCAE em Antofagasta (Chile), como parte da parceria entre a DEM Solutions Ltd e o LTM. Em agosto, Marcelo ministrou curso sobre “Cominuição e Classificação” como parte do nivelamento do curso de mestrado em engenharia mineral no Instituto Superior Politécnico de Tete (Moçambique), patrocinado pela Vale S.A. Ainda contando com a parceria da DEM Solutions Ltd., Rodrigo ministrou curso sobre “DEM e suas Aplicações na Engenharia Mineral” como parte do XXVI Encontro Nacional de Tratamento de Minérios e Metalurgia Extrativa, realizado em Poços de Caldas em outubro.

 

Marcelo organizou em novembro, com o Prof. Aubrey Mainza (UCT) e o Eng. Jens Lichter o “Classification Workshop”, evento interno da Anglo American que reuniu apresentações de engenheiros da empresa e a elaboração de planos de ação nas suas principais unidades de negócio no mundo.

 

Dissertações/teses defendidas

 

Mantivemos o ritmo de 2014 no número de defesas de mestrado e doutorado, com um total de cinco. Gabriel defendeu sua tese sobre a aplicação pioneira do DEM na simulação da prensa de rolos. Brites defendeu tese sobre caracterização de uma cerâmica sustentável, em colaboração com o Prof. Jo Dweck da Escola de Química. Patrícia defendeu dissertação de mestrado sobre a otimização da moagem de pellet feed, trabalho esse co-orientado pelo Prof. Raj Rajamani da University of Utah, e que foi uma das histórias de sucesso do Programa de Formação de Especialistas da Vale. Natasha defendeu dissertação sobre a análise econômica comparativas de rotas de cominuição de itabiritos, enquanto Pedro fechou o ano defendendo sua dissertação sobre a aplicação e validação do modelo de degradação de pelotas de minério de ferro do LTM. Vários desses trabalhos demonstram a consolidação das pesquisas no LTM na área de minério de ferro.

 

Projetos de conclusão de curso foram defendidos por três alunos do LTM: Daniel defendeu trabalho que analisou a influência de variáveis na moagem de bolas, enquanto Rayla defendeu seu trabalho que tratou da geometalurgia na área de agregados. Por fim, Anderson, em defesa que contou com a participação do Prof. Aubrey Mainza da UCT, defendeu seu trabalho sobre a estimação de parâmetros de modelos de contato de DEM usando informações de PEPT.

 

Equipe

 

Após 17 anos na instituição, Marcelo se tornou Professor Titular do Departamento/Programa de Engenharia Metalúrgica e de Materiais, em concurso realizado no mês de maio e que contou com uma banca de ilustres membros da academia do Brasil. Rodrigo participou como avaliador externo da IV Jornada do Programa de Capacitação Institucional – PCI do CETEM em evento realizado em fevereiro.

 

Em 2015 o LTM admitiu três novos doutorandos, mas que já haviam realizado seu mestrado no LTM: são eles Pedro (em tempo integral), Alessandro (CEFET-RJ Angra) e Fernando (Faculdade Católica Salesiana do Espírito Santo). O mestrado no LTM também passou a contar com novos alunos, incluindo José Raphael e Anderson em tempo integral, e Benito (Vale) e Wagner (TKCSA), que realizam seus estudos em tempo parcial. José Ramon retornou a Cuba após seu pós-doutorado no LTM, enquanto Emerson e Gabriel são atualmente pesquisadores pós-doutores em atividade no LTM.

 

Publicações e participações em congressos

 

2015 pode ser considerado um ano de “entressafra” na área de publicações em periódicos, com apenas um trabalho publicado. Entretanto, ele se destacou pelo grande número (superior a 20) de publicações em anais de congressos nacionais de internacionais realizados por diversos membros da equipe! Exemplos de eventos que apresentamos trabalhos foram o METEC (Düsseldorf), SAG 2015 (Vancouver), APT (Seoul), ESCC (Gothenburg), ABM Week (Rio de Janeiro) e ENTMME (Poços de Caldas). O prestígio alcançado pelo trabalho desenvolvido no LTM se verifica pelas várias palestras convidadas realizadas pelo Marcelo em importantes eventos: European Symposium on Comminution and Classification (Gothenburg), Asian Particle Technology Symposium (Seoul) e no XXVI Encontro Nacional de Tratamento de Minérios e Metalurgia Extrativa (Poços de Caldas).

 

Um destaque interessante de 2015 foi o post realizado pelo Marcelo no EDEM Blog da DEM Solutions (www.dem-solutions.com/blog), que foi o mais popular dentre uma dúzia dos publicados no ano. Isso mostra a importância dessas novas mídias na divulgação dos resultados das pesquisas do LTM.

Em 2015 o LTM também inovou, participando com estandes em dois congressos nacionais: ABM Week e ENTMME. Nesses eventos, membros do LTM puderam interagir com participantes dos eventos, divulgando oportunidades de trabalho em conjunto e formação no laboratório.

 

Premiações

 

Victor recebeu o prêmio de melhor trabalho na forma de pôster apresentado por um mestrando, como parte da I Semana METALMAT, em novembro.

 

Expectativas para 2016

 

Os desafios que a economia mundial e a indústria mineral estão atravessando estão sendo sentidos de forma amplificada tanto na economia brasileira quanto na indústria mineral do país. Ainda com a ansiedade de tempos difíceis à frente, temos confiança que 2016 será um ano de grandes e importantes realizações no LTM. De fato, projetos já contratados e em andamento, bem com o tamanho satisfatório da equipe atual do LTM nos faz pensar que estamos em boas condições para navegar nessas turbulentas águas por vir, pois temos clareza dos desafios e necessidades da indústria presentes e futuros e do nosso papel na formação de recursos humanos de alto nível e na busca de soluções inovadoras para o setor.

Por fim, acreditamos ter todas as condições de alcançar um número recorde de artigos submetidos para publicação em periódicos, marcando uma firme retomada também nessa área no laboratório. Isso, evidentemente, somente acontecerá como resultado do esforço combinado de toda a equipe do LTM!

 

Prof. Luís Marcelo Tavares
Prof. Luís Marcelo Tavares
press to zoom
Dr. Gabriel Pantoja
Dr. Gabriel Pantoja

Curso EDEM no Chile

press to zoom
Estande do LTM no ENTMME 2015
Estande do LTM no ENTMME 2015

Estande do LTM no ENTMME 2015

press to zoom
Victor Rodrigues
Victor Rodrigues

Premiado no Painel PEMM 2015

press to zoom